Se existe algo que incomoda na aparência de uma pessoa, quer seja adolescente, jovem ou adulto, homem ou mulher, é a tal da acne. Conhecida popularmente como espinha e cujo nome científico é Acne vulgaris, ela é caracterizada por lesões inflamadas que aparecem principalmente nas regiões da face, das costas, do peito e dos ombros.

 
Vários fatores contribuem para o aparecimento da acne, tais como; a genética, mudanças hormonais que ocorrem na puberdade e também na fase adulta, nesta última, aparece frequentemente em mulheres quando há distúrbios hormonais envolvidos, hipersecreção sebácea e distúrbio da queratinização folicular.
 
Além da aparência incômoda, a acne pode ocasionar cicatrizes na pele que muitas vezes vão além de um problema puro e simplesmente estético, afetando o indivíduo emocionalmente, podendo até ocasionar ansiedade e depressão.
 
Inúmeros tratamentos são oferecidos a base de cosméticos, entretanto, a nutrição pode atuar de forma eficaz na prevenção e tratamento da acne, tendo como base uma alimentação saudável, rica em nutrientes e, sobretudo, balanceada.
 
À seguir, exemplifico alguns desses nutrientes benéficos no tratamento contra a acne:
 
Vitamina A
 
Os alimentos ricos em Vitamina A, são responsáveis pela restauração e construção de novos tecidos, visto que possui antioxidantes que contribuem para um organismo e uma pele mais saudável, sem contar que esta vitamina também é de fundamental importância para o equilíbrio hormonal.
 
São fontes de Vitamina A:
Iogurte, leite e derivados e a gema de ovo.
O betacaroteno (Pró-Vitamina A) possui funções idênticas às encontradas na Vitamina A:
Vegetais verdes escuros e alaranjados, tais como; Abóbora, agrião, brócolis, cenoura, couve, mamão e o espinafre.
 
Selênio
 
Reduz flutuações hormonais, protege as células dos radicais livres e combate infecções, melhorando o aspecto da acne.
 
São fontes de Selênio:
Grãos integrais, peixes e castanha do Brasil.
 
Magnésio
 
A falta de magnésio está associada ao aumento da produção de fatores inflamatórios.
 
 
São fontes de Magnésio:
Leguminosas, cenoura, nozes, frutos do mar e vegetais verdes escuros.
 
Ácidos Graxos Essenciais
 
Uma pesquisa realizada e publicada pelo Journal of American Academy of Dermatology revelou que Ácidos Graxos Essenciais podem melhorar no desequilíbrio hormonal que desencadeia a acne.
 
São fontes de Ácidos Graxos Essenciais:
Óleo de soja e milho, sementes de linhaça e girassol.
Ômega 3, que também é um Ácido Graxo Essencial e é encontrado no salmão, sardinha e no atum, contribui para reduzir as reações inflamatórias da acne.
 
Acne e índice glicêmico:
 
Índice glicêmico é o potencial que um determinado alimento tem para aumentar a carga de açúcar no sangue. Alimentos com alto índice glicêmico, como carboidratos refinados, fazem o corpo produzir grande quantidade de insulina e estas elevações podem causar um aumento da testosterona e uma diminuição dos hormônios sexuais, envolvidos no controle da secreção das glândulas sebáceas.
 
Um estudo feito pelo American Journal of Clinical Nutrition com adolescentes e jovens que tiveram uma dieta de baixo índice glicêmico, pode comprovar a redução das lesões cutâneas provocadas pela acne.
 
Indiscutivelmente, precisamos de mais estudos no sentido de comprovar o valor da intervenção dietética na prevenção e tratamento da acne, entretanto, está mais do que comprovado que uma alimentação rica em vitaminas, sais minerais e fibras, associada à diminuição de alimentos refinados, processados, gorduras saturadas e trans, contribuem para a saúde de uma maneira geral, inclusive da pele.
 
Quer saber mais sobre os benefícios de uma dieta balanceada no combate a acne? Agende uma consulta com a nutricionista, Dra. Iriane da Silva, e viva com saúde! 

Tel.: 3562.7772

estacionamento rotativo no local

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Saúde Elementar® 2011 - 2018 - Desenvolvido por Dinamicsite